Uma manhã com Martha Stewart

Eleita a mulher mais poderosa dos Estados Unidos em 2001, Martha Stewart acabou cumprindo pena de cinco meses na prisão depois da acusação de uso de informações privilegiadas na bolsa de valores. Rica, loura e celebridade, ela deu a volta por cima e nem com o escândalo perdeu o posto de guru das donas de casa. Convidada por uma amiga, ontem sentei na platéia do “Martha Stewart Show”, um dos programas de TV mais famosos por aqui.

Depois de receber um email que dizia para não atrasarmos e escolhermos uma roupa “para impressionar”, enfrentamos uma fila grande com direito a revista com detector de metais e instruções detalhadas de como se portar diante das câmeras. Um produtor, que nos fez lembrar o Roque do Silvio Santos, contou sobre os convidados do dia (cinco dos mais badalados chefs do país) e mostrou os gestos que faria para que aplaudíssemos e ríssemos na hora exata.

Martha, a estrela, apareceu apenas na hora que o show foi ao ar e, durante os intervalos comerciais, não interagiu com a platéia, formada predominantemente por mulheres entre 50 e 60 anos. Durante uma hora, a animação tomou conta do público, que soltava gritinhos sempre que era informado de um novo brinde. Sim, quem acorda cedo, capricha no visual e obedece as ordens da trupe de Martha recebe recompensas: eu voltei para casa com livro, pimenteiro, ralador e vales para trocar por uma pipoqueira e, pasmem, um liquidificador.

IMG 3376 Uma manhã com Martha Stewart

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s